sábado, outubro 25, 2014

VOCÊ SÓ INVESTE NAQUILO QUE VOCÊ VÊ!

Um homem carnal não poderá cooperar com Deus para o avivamento.
Deus investiu em um cemitério porque a visão Dele não era de morte, e sim de vida. Deus não enxergava túmulos e sim um exército.
Em Ezequiel 37 o Senhor pergunta ao profeta: "Poderão viver esses ossos?" Deus queria mudar a visão de Ezequiel! Ele procura por alguém que enxergue como Ele.
Quando Deus acha alguém que olha para a cidade e vê o que Ele está vendo, e vê a glória que Deus está vendo, então Deus diz: "esse é o filho que eu vou usar. E vou usá-lo e abençoá-lo porque ele tem visão".
Deus só está procurando alguém que acredite como Ele acredita, que tem a convicção que Ele tem. Que invista como Ele investe. Você só investe naquilo que você vê.
Por isso você precisa desesperadamente de um sonho isso a bíblia não manda a gente só despertar. A bíblia também manda a gente dormir. Pode parecer contraditório, mas não é. Nós precisamos acordar dos nossos sonhos, dos nossos delírios e ilusões para que somente assim, estejamos prontos para sonhar os sonhos de Deus!

(trecho do livro A responsabilidade do HOMEM para o Avivamento, de Luiz Herminio)

Mas esforçai-vos, e não desfaleçam as vossas mãos; porque a vossa obra tem uma recompensa.
Sabendo que cada um receberá do Senhor todo o bem que fizer, seja servo, seja livre. 

quinta-feira, outubro 23, 2014

OS PILARES DO CASAMENTO COMO INSTITUÍDO POR DEUS

Vivemos numa sociedade cada vez mais secularizada que quer sacudir o jugo de Deus, escarnecendo de sua palavra e desprezando seus preceitos. Hoje, a tendência dessa sociedade que aplaude a depravação moral é botar de cabeça para baixo a ideia de casamento, família e valores morais absolutos. O casamento como instituído por Deus, entretanto, tem três pilares bem firmes. Veja o que diz a palavra de Deus: "Por isso deixa o homem seu pai e sua mãe, se une à sua mulher, tornando-se os dois uma só carne" (Gênesis 2.24).
1. O casamento é heterossexual - O casamento é a união de um homem com uma mulher, de um macho com uma fêmea, pois só assim, esse casal pode cumprir cabalmente o propósito da perpetuação da raça humana;
2. O casamento é monogâmico - O casamento é a união de um homem com uma mulher e não a união de um homem com várias mulheres (poligenia) nem a união de uma mulher com vários homens (poliandria);

3. O casamento é monossomático - O casamento legitima a relação sexual. O sexo antes do casamento é fornicação e aqueles que entram por essa prática estão sob a ira de Deus (1Ts 4.1-9). O sexo fora do casamento é adultério e só aqueles que querem se destruir entram por esse caminho (Pv 6.32). O sexo no casamento, porém, é ordenança divina (1Co 7.5).

Hernandes Dias Lopes.