segunda-feira, fevereiro 27, 2012

domingo, fevereiro 26, 2012

Bom dia!!



“Dificuldades são espinhos colocados em

 nosso ninho, que nos fazem sair do 

comodismo e nos lançarmos aos ares, 

para ganharmos o céu e vivermos novas 

experiências além do horizonte de nossa

 imaginação"

sábado, fevereiro 18, 2012

O agir de Deus



"Ora, sem fé é impossível agradar a Deus; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam." 
Hebreus 11:6
Pr.-Paulinho-Santos-devocional-2.jpg (391×296)

Uma vez um homem estava sendo perseguido por vários malfeitores que queriam matá-lo. 
O homem, correndo, virou em um atalho que saía da estrada e entrava pelo meio do mato e, no desespero, elevou uma oração a Deus da seguinte maneira: 
"Deus Todo Poderoso fazei com que dois anjos venham do céu e tapem a entrada da trilha para que os bandidos não me matem!" 
Nesse momento escutou que os homens se aproximavam da trilha onde ele se escondia e viu que na entrada da trilha apareceu uma minúscula aranha. 
A aranha começou a tecer uma teia na entrada da trilha. 
O homem se pôs a fazer outra oração cada vez mais angustiado: 
"Senhor, eu vos pedi anjos, não uma aranha. Senhor, por favor, com Tua mão poderosa coloca um muro forte na entrada desta trilha, para que os homens 
não possam entrar e me matar..." 

Abriu os olhos esperando ver um muro tapando a entrada e viu apenas a aranha tecendo a teia. 
Estavam os malfeitores entrando na trilha, na qual ele se encontrava esperando apenas a morte. 
Quando passaram em frente da trilha o homem escutou: 
"Vamos, entremos nesta trilha!" 
"Não, não está vendo que tem até teia de aranha? Nada entrou por aqui. Continuemos procurando nas próximas trilhas". 
Fé é crer no que não se vê, é perseverar diante do impossível. 
Às vezes pedimos muros para estarmos seguros, mas Deus pede que tenhamos confiança n'Ele para deixar que Sua glória se manifeste e faça algo como uma teia, que nos dá a mesma proteção de uma muralha. 
Que possamos entender as coisas de Deus e o que Ele tem feito em nossas vidas! 
Autor Desconhecido
Bom final de semana na Paz de Deus!

terça-feira, fevereiro 07, 2012

Essência


Eu sinto, eu existo, eu tenho alma...
Não  sou romântica, mas as flores me encantam!
Só me envolvo com que realmente mexe comigo... O que faz sentido. 
Ah! Sabe? Já me perdi em meio a esse sentido; pois o sentido perdeu a razão de ser! 
Sobrou então, uma certa insegurança, uma falta de direção transitória, para que outra vez a me encontrar e me reinventar.
Então, criar um novo mundo, ou conquistar um mundo novo? Bem certo que é a segunda opção! Pois se mover à conquista, é fazer valer o dom que recebemos: A vida!!! 
Passo a traçar novas etapas para esse novo ser... Mas tem coisas que são bem difíceis, confesso!!! 

"De I para Yo:

Não muito boa. Tempo para se derramar e aliviar, e até questionar... 
Tempo é um delicioso mistério. Serve para afastar de coisas ruins,  de remédio para as dores, de lembranças doces e alegres, de aromas e sabores... Mas trata de ser duro, quando se espera sem  saber a data marcada.
Dani Castro


Não soltar os cavalos  -  Clarice Lispector

Como em tudo, no escrever também tenho uma espécie de receio de ir longe demais. Que será isso? Por que? Retenho-me, como se retivesse as rédeas de um cavalo que pudesse galopar e me levar Deus sabe onde. Eu me guardo. Por que e para quê? Para o que estou eu me poupando? Eu já tive clara consciência disso quando uma vez escrevi: "é preciso não ter medo de criar". Por que o medo? Medo de conhecer os limites de minha capacidade? Ou medo do aprendiz de feiticeiro que não sabia como parar? Quem sabe, assim como uma mulher que se guarda intocada para dar-se um dia ao amor, talvez eu queira morrer toda inteira para que Deus me tenha toda.

segunda-feira, fevereiro 06, 2012

Coisa e coisas

É interessante como vamos amadurecendo nossas percepções com passar dos anos, e conseguimos ver com amplitude os acontecimentos da vida...

Com o tempo descobri...
...Que todos dentro de suas compreensões, estão  "corretos";
...Que tive muitos medos desnecessários;
...Que me enganei sem perceber com as convicções alheias;
E hoje entendo,  o por que  de não ser movida em momentos ímpares;
...Que investi tempo no insubstituível; 
Mas que também perdi tempo... Sem investir no necessário;
...Que a luz do espírito, se mal orientada, deixa em trevas a razão;
...Que uma mínima saída do foco, pode fazer perder o alvo;
...Que onde não se compromete a alma, é perda de tempo;
...Que mudar é sempre ganho. Nem que seja em experiência;
...Que o mundo vai além desse mundo;
...Que viver é uma fantástica descoberta!!!
Boa semana!!!

sexta-feira, fevereiro 03, 2012

Ah! Sabedoria...

Essa menina é como uma pérola; é preciso passar pelo teste tempo e dos atritos dessa vida para adquirir-lá, mas seu valor é inestimável!

A sabedoria é a coisa principal; adquire pois a sabedoria, emprega tudo o que possuis na aquisição de entendimento.
Exalta-a, e ela te exaltará; e, abraçando-a tu, ela te honrará.
Dará à tua cabeça um diadema de graça e uma coroa de glória te entregará.
Provérbios 4:7-10

quarta-feira, fevereiro 01, 2012

Duas paixões



tumblr_ledrsmiCAg1qdmpvzo1_500.jpg (500×334)

‎"A leitura de um bom livro é um diálogo incessante em que o livro fala e a alma responde.“

André Mouris


Escrever é viajar nas letras...
Sem amarras nem pudor...
Apenas escrever!...

Zia Marinho
 
Me encontrei nessas frases. É como se soubessem mais de mim, que eu mesma.
É a minha perfeita descrição!!!
Eu não saberia fazê-las com tanta precisão. (Rsrsrsrrsrsrs!)

Dani Castro
 

Humildade na Escrita

Nós, os que escrevemos, temos na palavra humana, escrita ou falada, grande mistério que não quero desvendar com o meu raciocínio que é frio. Tenho que não indagar do mistério para não trair o milagre. Quem escreve ou pinta ou ensina ou dança ou faz cálculos em termos de matemática, faz milagre todos os dias. É uma grande aventura e exige muita coragem e devoção e muita humildade. Meu forte não é a humildade em viver. Mas ao escrever sou fatalmente humilde. Embora com limites. Pois do dia em que eu perder dentro de mim a minha própria importância - tudo estará perdido. 

Clarice Lispector, in 'Uma Aprendizagem ou o Livro dos Prazeres 



Bom dia