terça-feira, setembro 27, 2011

Falta de princípios, faz muita falta!

O que me chamou atenção foi o comentário final da repórter, onde ela disse que um dos adolescentes em depoimento falou o + ou - assim: " Eu achava que só era errado a bebida,  pois agente é de menor. Mas o sexo não,  pois  na escola tem aula de sexologia e dá camisinha pra gente, e no posto de saúde agente pode pegar camisinha."  Muito embora hoje todo mundo já nasce sabendo de mais da conta, muito antes  do tempo, e os veículos de informações estão ai falando de tudo. Essa afirmação tem tom de desculpa, lógico! Mas também não dá pra negar que isso faz parte da maneira de pensar dessa nova geração; pois afinal limites é o que elas menos conhecem,isso lhes parece coisa do passado, é  caretice! Assim defendem alguns.    
É estarrecedor como  as  como se vive tanta banalidade nos nossos dias, a mídia e as demais "modernidades" levam a cegueira de entendimento (essa é a pior, pois é como o câncer, destrói, mata!). Tudo hoje se reduz a: "Eu quero + é beijar na boca..." " Deixa vida me levar, vida leva eu...". Isso tudo quer dizer: Vá na onda do momento... Cuidado com as ondas que  tem te levado! Elas podem te engolir.
É tanta futilidade de informações cauterizando as mentes e as pessoas perdem a noção de limites, de certo e errado;  pois afinal,  princípios nos nossos dias tem se perdido e muitos nem sabem para que servem... 
A família que é base da sociedade, tem papel fundamental no ensino, está sendo cada dia mais  corrompida, ferida, separada...   

“Não havendo profecia o povo se corrompe; mas o que guarda a lei, esse é feliz” (Pv.29:18)


Não negligencia na educação da família, ensine bem sobre os limites e sobre a consequência da quebra deles.



"Não vos enganeis, as más conversações corrompem os bons costumes." 
[1 Coríntios 15:33]

Deus nos livra do mal,  e nos abençoe!
 Amém!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é importante!